13 AGO 2022 | ATUALIZADO 19:21
POLÍTICA
23/06/2022 08:35
Atualizado
23/06/2022 08:35

Deputado diz que despreza o movimento LGBTI+ e sugere que isolda leve tratamento psiquiátrico a esse público

A+   A-  
A fala aconteceu durante o discurso do deputado recém-empossado do RN, Michael Diniz, como segundo suplente do Solidariedade, nesta quarta-feira (22). “Eu demonstro meu repúdio, demonstro meu desprezo por todo esse movimento. Sinceramente, eu acredito que esse povo precisa de um tratamento psiquiátrico urgente”, declarou o deputado.
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

Nesta quarta-feira, 22, o deputado recém-empossado do RN, Michael Diniz, como segundo suplente do Solidariedade, atacou o movimento LGBTI+ em fala no plenário da Assembleia Legislativa.

No discurso, Diniz declarou repúdio ao movimento e ainda citou a deputada Isolda Dantas (PT) sugerindo que ela levasse tratamento psiquiátrico às pessoas LGBTI+.

“Eu demonstro meu repúdio, demonstro meu desprezo por todo esse movimento. Sinceramente, eu acredito que esse povo precisa de um tratamento psiquiátrico urgente”, declarou o deputado bolsonarista.

A deputada estadual Isolda Dantas (PT) se posicionou em suas redes sociais contra a fala intolerante do parlamentar. “O deputado estreante na ALRN está disposto a representar o bolsonarismo. Mas o tratamento pro preconceito deve ser no rigor da lei”, informa a deputada.

De acordo com Isolda, ao destilar palavras de ódio ignora que sexualidade/identidade de gênero não é doença e que LGBTIfobia é crime.


Notas

UNP 27 de junho de 2022

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário